terça-feira, 30 de novembro de 2010

36 semanas da nossa filhota linda

Está grávida de 36 semanas – já só faltam 28 dias!
Ganhar peso (cerca de 30 gramas por dia) é a principal prioridade do bebé.



O bebé continua a ganhar peso – cerca de 30 gramas por dia. Pesa agora um pouco mais de 2,7 kg e tem cerca de 48 centímetros de comprimento. Está agora a perder a maior parte da penugem que lhe cobria o corpo, bem como a vernix caseosa, a substância cremosa que tem protegido a pele durante a sua submersão em líquido amniótico. O bebé engole estas duas substâncias, juntamente com outras secreções, as quais se manterão nos seus intestinos até ao nascimento. Esta mistura escura, que se chama mecónio, constituirá as suas primeiras fezes.



No final desta semana, já será considerado um bebé de termo. (Os bebés que nascem entre as 37 e as 42 semanas são considerados bebés de termo; um bebé que nasça antes das 37 semanas é um bebé pré-termo e, após as 42 semanas, é um bebé pós-termo.) O bebé está agora muito provavelmente virado de cabeça para baixo, a melhor posição para um parto sem problemas.


No entanto, se, na próxima semana, o bebé não tiver dado a volta, o médico poderá sugerir a marcação de uma “versão cefálica externa”, que é uma forma sofisticada de dizer que tentará virar o bebé manualmente, empurrando-o a partir do exterior da barriga.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

A menos de um mês...um mini balanço

Hoje (29 Novembro 2010) estamos a menos de um mês de te ter nos braços, isto é...se a DPP estiver correcta e se tu decidires ser pontal aqui como a tua mamã!
É um misto de emoções e sentimentos, por um lado queria ter-te já nos meus braços mas como diz o papá "Deixa-te estar aí quietinha no quentinho mais 2-3 semanas" pois queremos que ganhes o máximo possível de peso na barriga para poderes ser operada o mais rápido possível, pois sabemos que devido ás possíveis dificuldades que vais ter em mamar poderás perder mais peso que o previsto e isso vai ser sempre uma varíavel a ter em conta para a operação.
Amanhã fazemos 36 semanas por isso hoje já vao seguir os nossos formulários e análises para a Lusocord :) Sim minha menina, vais ser dadora das células do cordão umbilical!
Entretanto, temos uma novidade da qual ainda não falei...vamos mesmo optar por fraldas reutilizáveis, por N de motivos entre os quais:
-Custos
-Saúde (assaduras)
-Ecologia
  • Custos, apesar de o investimento inicial ser um pouco doloroso para a carteira (entre 16 a 23 euros por fralda), valem cada cêntimo pois esse mesmo investimento ao fim de pouco tempo estará pago...um pacote de fraldas custa em média 22€ (Dodot) ou 9,90€ (Marca branca) e se um bebé gasta vá 6 a 8 fraldas por dia, precisa de 3 a 5 pacotes por mês...façam as contas e é ver a "conta" que dá num ano (sem contar com o aumento de IVA previsto para 2011).

  • Saúde, já li variados artigos e blogs de mamãs que usam as fraldas reutilizáveis nos seus bebecas e as mesmas reduzem ou eliminam as assaduras no rabinho.

  • Ecologia, as fraldas são laváveis na máquina e até podem ser secas na máquina de secar caso o tempo não o premita, são fraldas que podem passar de bebés para bebés e não poluem o ambiente da mesma maneira que uma fralda descartável que leva anos a degradar no meio ambiente.

Por isto tudo e muito mais, vivam as fraldas reutilizáveis...optámos por fraldas de bolso de tamanho único que acompanha o crescimento onde é só colocar os absorventes, 1 ou 2 que já vem com as ditas conforme o fluxo.

Resumindo, estamos a "regredir" ao tempo das nossas avós mas vale bem a pena e claro, vale cada cêntimo!

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Isofix - Uma questão de segurança!


Não existe melhor sistema de segurança para uma cadeirinha de bebé no carro do que o Isofix, por isso andámos a ver, a recolher opiniões, ver vídeos, demonstração em loja e pronto...vamos adquirir uma base Isofix FamilyFix da Bebé Confort que dá para o ovinho e depois para as cadeiras que vão até aos 3, 5 anos.

É um investimento caro, mas que compensa tudo...acima de tudo a segurança da nossa filhota!

Madalena ♥ 35 semanas


♥ Está grávida de 35 semanas – já só faltam 35 dias!
Na sua maior parte, o desenvolvimento físico está concluído.



O bebé está a ficar grande. Pesa um pouco mais de 2,200 kg e tem quase 46 centímetros de comprimento, da cabeça ao calcanhar.



Naturalmente, ainda está enroscado dentro de si: está a ficar tão apertado no seu útero que o bebé já não está na verdade a flutuar e já não é provável que consiga dar grandes voltas. Mas um espaço mais confinado não significa que se mexa menos; o bebé deverá continuar a dar pontapés com a mesma frequência de sempre. Se notar uma redução dos movimentos, fale com o seu médico. Os rins do bebé estão agora totalmente desenvolvidos e o fígado consegue processar alguns resíduos.


A maior parte do seu desenvolvimento físico está agora concluída – as próximas semanas servem apenas para ganhar peso.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

17 Novembro 2010 - Nasceu o Ricardinho :)

Muitos parabéns aos papás, pois o meu genro :P nasceu esta madrugada com 3,320KG e foi um parto que teve de ser auxiliado de forceps, mas mamã e bebé estão óptimos!
Recebi duas fotinhas do Ricardinho e já não consegui pregar olho, pois a Madalena deve ter ficado encantada com o namoradinho e não me deixou dormir e claro que fiquei ainda mais em ansia para ver a Madalena.
De salientar que o Ricardinho tem umas bochechas muito fofinhas e a fenda dele não é nada de especial, ou seja, Graças a Deus que não é uma fenda grande...aliás a da Madalena espera-se igual mas do lado esquerdo, estes meninos devem ter combinado "Ah e tal a tua fenda fica á direita e a minha á esquerda".
Bem, só falta nascer a outra namorada do Ricardo que é a minha sobrinha Luana e depois lá virá a Dª Madalena (espero eu que não antes) e assim se íniciou os nascimentos dos bebés de nós as três (Mena, Ana e Eu).
Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, fiquei mesmo em pulgas :P

terça-feira, 16 de novembro de 2010

34 Semanas de Ti



No passado dia 11 Novembro, já pesavas 2120g e medias 44 cm aproximadamente...não és uma bebé grande, mas estás no percentil 50 e isso é que nos importa!



Está grávida de 34 semanas – já só faltam 42 dias!
Os pulmões do bebé estão bem desenvolvidos.



O bebé pesa agora cerca de 2,150 kg e tem provavelmente pouco mais de 45 centímetros do topo da cabeça à planta dos pés. O sistema nervoso central está ainda em fase de amadurecimento, mas os pulmões já se encontram bem desenvolvidos. E esta é uma boa notícia caso decida nascer mais cedo do que o previsto.

Caso a ideia de parto prematuro tenha sido para si causa de ansiedade, ficará satisfeita por saber que 99% dos bebés com este tempo de gestação conseguem sobreviver fora do útero – e a maioria não apresenta problemas a longo prazo relacionados com a sua prematuridade.

domingo, 7 de novembro de 2010

Programa das Festas - Parte II

Terça-Feira 9 Novembro
-8h00 Análises
-9h00 Ecografia (yupiiiiiiiiiiii)
-11h20 Consulta
-18h00 Dentista (não sei se não vou desmarcar, vá me está a parecer um dia estafante para ainda ir levar uma anestesia em cima...vou reflectir até amanhã...pois neste dia vou ter de sair de casa por volta assim das 6h45)
Quinta-Feira 11 Novembro
-10h00 Ecografia (YUPIIIIIIIIIIII nr.2)
Porquê duas ecos em tão pouco tempo?
Ora porque uma é no Hospital e a outra á no Privado e só a consegui marcar para este dia e mesmo assim já foi um super mega esforço na agenda da Drª pois estava assim a modos que apinhada...
Mas eu não me importo nadinha de nada, afinal são dois dias que te vou ver minha filhota linda :)

terça-feira, 2 de novembro de 2010

32 Semanas...JÁ???

Credooooooooooooo, passou assim tão rápido?
Quer dizer...dizem que esta recta final que é a mais longa, vamos lá ver.



Está grávida de 32 semanas – já só faltam 56 dias!
A ponta dos dedos das mãos e dos pés está agora coberta com unhas.

Por esta altura, o bebé pesa cerca de 1,8 kg e tem pouco mais de 43 centímetros. As unhas das mãos e dos pés já cresceram completamente. Alguns bebés já têm uma boa cabeleira; outros têm apenas uma penugem.
O bebé ocupa agora muito espaço no interior do útero mas o espaço confinado não lhe limita o nível de actividade. Poderá ter ouvido dizer que é normal os bebés abrandarem o ritmo com o avançar da gravidez, mas isso não é verdade. Se notar alguma redução dos movimentos do bebé, contacte o seu médico.